Economias do G20 poderiam crescer 4.4% em 2016

Economias do G20 poderiam crescer 4.4% em 2016

19/08/2016 “fonte “El Financiero”

A agência Moody’s Investors Service prevê que as economias em desenvolvimento do G20 crescerão 4.4 % este ano e 5% no próximo.

Analistas da agência de qualificação creditícia, que reviram as suas perspectivas para os maiores mercados emergentes do mundo em 2016 e 2017, anunciaram que esperam que a expansão dos mercados emergentes se estabilize em termos gerais.  As estimativas melhoraram as perspectivas de crescimento para alguns países, mas reduziram-nas para outros.

Moody’s reviu a subida do seu panorama macro para o Brasil, a Rússia e a China. A Turquia e a África do Sul expandir-se-ão menos que o estimado previamente.

A agência espera que o Brasil volte a crescer em 2017, depois da contracção de 3.8% que sofreu em 2015 e de até 4% prevista para este ao.

A economia Russa contraiu-se um 3.7% em 2015 e espera-se que volte a cair este ano, mas poderá expandir-se até 2% em 2017 graças a uma subida dos preços do petróleo e à produção industrial, expressa o relatório.

O panorama do PIB da China foi, por sua vez, elevado a 6.6 % em 2016 e a 6.3% em 2017.

“Estamos a observar uma certa dose de estabilização. Os fluxos de capital parecem estar a regressar com certa força a varias regiões”. “A volatilidade dos mercados financeiros diminuiu em relação a períodos anteriores do ano, e no caso dos mercados emergentes em general estamos a observar alguma melhoria”, afirmou Madhavi Bokil, vice-presidente e analista sénior de Moody’s, e um dos autores do relatório.